sábado, 30 de abril de 2011

Mais famílias no meu application!

     Fiquei alguns dias em agonia total com meu application zerado de famílias, eis que terça surgiu uma família de Ashburn na Virginia, com uma menina de 2 anos e um menino de 3. Fiquei super feliz! Recebi um email da host mom perguntando meu interesse na família deles logo em seguida, e já fui logo respondendo, mas o estranho é que hoje é sábado e já faz 4 dias que não recebi um retorno dela... enfim, vou esperar...

Ashburn, Virginia.

     Na quarta recebi um novo e tão maravilhoso email "A Host Family is interested in your application"  entrei lá e vi uma familia de North Potomac, Maryland com 2 crianças, um menino de 4 e uma menina de 5. Fiquei super empolgada também, (note que a gente se empolga o tempo todo..rs)  mas infelizmente quando vi o email dela o título era "Olá de Maryland, USA" eu estranhei estar em português, quando abri o e-mail, estava todo em português. Ela era brasileira casada com americano, e isso me fez vir na memória as meninas que já foram, e blogs que li e amigas minhas dizendo, se você quer ir para treinar inglês (o que é o meu caso), evite brasileiros e morar em casa de host brasileiro, o que me fez decidir em desistir desta família foi o que ela escreveu no essay, mais ou menos isso: "Estou dando preferencia para uma au pair brasileira, meu filhos falam português e quero que dentro de casa seja falado somente o português comigo e com meus filhos". Então decidi que esta família não era para mim, e hoje eu mandei um email agradecendo muito, mas que não seria possível. Fiquei triste porque dá dor no coração descartar família. (Note que a gente se desanima o tempo todo também..rs)

quinta-feira, 21 de abril de 2011

É bom preparar o psicológico!

        Nada melhor do que feriado e muito chocolate de páscoa para afogar as mágoas de rejeição!! rs
Pois é.. o motivo deste post é para dizer que se você quer ser au pair é bom preparar o psicológico, pois nem tudo são rosas, vou dizer o que houve.
Eu tinha ficado de conversar com uma família no sábado, tudo bem que eu já tinha percebido que o host father era meio arrogante nos e-mails, mas eu pensei, "ah, deve ser só impressão". Pois é, não era impressão. Ele me ligou, do nada, sendo que havia dito que me mandaria um e-mail para avisar quando me ligasse, sorte que eu que atendi, se não minha mãe ia ter ficado louca..rs Ai eu abri um sorrisão toda feliz e disse meu "Hi M.. How are you? =)" Ele simplesmente me cortou e disse que a mulher dele estava do outro lado da linha e que era pra eu começar a fazer perguntas, ele falava um inglês absurdamente rápido e esquisito, que eu não conseguia entender (com certeza era proposital),  a minha idéia do que aconteceu foi a seguinte, a mulher dele que me adicionou, e ele por não gostar de brasileiras, não queria, então fez de tudo para me despachar logo. Pra ser sincera, não quero relembrar esses momentos, pois foram traumatizantes, já que ele foi extremamente grosso comigo e depois que eu pedi que ele falasse mais devagar ele começou a falar como um robô, acredita! achando que eu precisaria deste nível de lerdeza, disse que já que eu nao entendia o que ele falava ficaria difícil a convivência e que ele queria alguém que falasse fluente. Bom, tenho certeza que este foi um caso de preconceito contra brasileiros. Ah, e sabe qual foram as unicas pergunta que eles me fizeram antes de desligarem? Se eu me importaria que eles tinham um cachorro grande e qual era a raça do meu cachorro! Ah pelo amor de Deus né!
Bom, vamos pular esta parte, porque depois dessa péssima conversa eu fiquei bem insegura com meu inglês, com minha viagem, com tudo, mas eu me recuperei, graças as minhas amigas Evelyn, Patty e Carol, que me dão muita força!!!!!
No domingo eu conversei com a família que eu realmente queria de North Carolina, estava bem confiante, porém na terça recebi um email dizendo que eles tinham fechado com outra menina. Fiquei BEM deprê! Mas agora já superei, já estou emocionalmente estável de novo. Estou conversando agora com uma família de Washington DC, 2 meninos, um de 8 e outro de 10. Mas agora na boa...sem ansiedade, sem favoritismo, simplesmente preparada!

Happy Easter a todos !!!

    

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Usando o feeling para escolher familía!

Como se não estivesse bom o bastante conversar com 3 famílias ao mesmo tempo, ontem tive a imensa surpresa (desespero) de receber mais 2 familias para entrar em contato comigo, uma da Pennsylvania de 1 criança só, uma menina de 3 anos e outra família de Illinois com 2 crianças, uma menina de 10 e um menino de 13. Não deu outra... milhões de e-mails esperando resposta e eu descabelada sem tempo de responder. Ontem fiquei até de madrugada, respondendo um por um, pesquisando cada cidade, cada estado, e há! tive uma idéia de montar uma planilha no excel chamada 'comparativo de familías- au pairs' foi ótimo! se eu conseguir, coloco aqui a planilha para download, se eu não conseguir, você que já estiver vendo família também, sabe como é complicado lembrar cada uma, então o excel permite você colocar uma embaixo da outra e fazer comparação de uma e outra, o que uma tem que a outra não tem.

Comparativo de famílias- By Mirella

Este é mais ou menos o exemplo de uma, não necessariamente você precise deixar assim, as vezes tem algo que não tem ali que seja mais importante para você então é só trocar.

Na verdade meu post é para falar sobre o feeling que sentimos quando estamos conversando com uma família! É incrível, já sentimos algo logo que visualizamos as fotos!
Uma das famílias, eu logo de cara vi que não tinha nada a ver comigo e também eles já queriam uma au pair para o mês que vem. Mandei um email ontem dizendo que agradecia muito, mas que eu não poderia ir no próximo mês e tal. Tenso!
Bom, sabadão, tem mais! Vai ser a primeira conversa por telefone com um host father. Acho que já estou começando a me acostumar...rs

quarta-feira, 13 de abril de 2011

You have 3 Host Families currently interested in your application!

Depois da deprê bateu o frio na barriga misturado com "uhuuuuuuull" depois de 11 dias de tortura online, hoje me deparei com a seguinte mensagem: You have 3 Host Families currently interested in your application! Agora vou conversar com a Familia Y. (uma menina de 4, e dois meninos, um de 9 e outro de 7) são da Virginia, a família L. (duas meninas, uma de 5 e outra de 3) são de Carolina do Norte e família O. (esta última citada nos posts anteriores).
Agora estou bem mais tranquila, eu já estava achando que ia precisar 'topar qualquer coisa'. Recebi email da familia L. e adorei. Poxa, a mulher foi extremamente preocupada em mandar tudo sobre a familia, carta, fotos, email da atual au pair, blog do marido, videos, um site sobre a cidade, e até umas palavrinhas em português ela escreveu nos emails!!! Gostei por demaaaaisss!!

Estou ansiosa agora por esta nova family que apareceu!! Seja o que Deus quiser!! minha cabeça está a zilhãoooo!

Conhecendo as crianças!!

Bom, neste post vou falar pouco pois preciso arranjar mais tempo para escrever e atualizar este blog, já que as coisas (em uma vida de futura au pair) acontecem umas atrás das outras, preciso arranjar tempo para trabalho, namorado, host families, sister, Léo (meu cachorro que não sai do meu pé), familia, imposto de renda, etc. Então vamos lá!
Sábado como eu disse no post anterior tive uma conversa com a host mom, que foi muito legal por sinal. E ela pediu para que a gente conversasse no domingo também, porém com as crianças e seu marido. Eu para variar estava BEM tensa e esperando ela entrar. Quando ligo a cam vejo 4 crianças na minha frente 'loucas' para ver quem estava do outro lado da cam. Todas falando de uma vez, e num inglês super master blaster mega ultra fast! enfim, só dava eu : "hã?" "Repeat please?" "Slower please", "what?" "I didn´t understand" e jogando a culpa na cam dizendo que a qualidade do sinal estava ruim e que estava cortando as falas..rsrs até que isso era verdade, mas algumas vezes eu tinha que falar isso pra eles não acharem que eu é que era a mula da história!rsrsrs mas bem que a host mom havia me alertado de que 2 das filhas delas falavam extremamente rápido!
As crianças me bombardearam de perguntas... brigavam pra ver quem perguntava mais, e assim foi.. foi bem agradável a conversa, gostei muito das crianças e desta familia.
Mas pensando...Por que nenhuma outra family está interessada em mim?? por que ninguém vem falar comigo?? aii já bateu uma depre né!  

sábado, 9 de abril de 2011

Conhecendo a primeira Host Mom

Hoje conheci a host mother pelo skype! Combinamos as 3 horas (my time), e ela atrasou 15 minutos para me chamar (no problem!), enquanto isso eu sentada em frente ao computador, olhando fixamente para a tela, e com o estômago doendo de ansiedade. Passados uns 10 min, recebi um e-mail dizendo que ela me ligaria em 5 minutos, ai eu quase infartei de vez. rs
Mas foi muito emocionante! Eu que nunca tinha sequer falado com nenhum americano na minha vida, entendi tudo o que ela dizia (e rápido) e consegui falar claramente apesar do nervosismo!! Após elogios dela sobre meu inglês, eu fiquei MUITO feliz e fiquei mais confiante para falar! a conversa levou uns 50 minutos, ela foi muito legal, rimos muito, muitas coisas eu nem precisava perguntar, ela foi me explicando tudo como ia ser em sua casa, até sobre se eu teria carro para usar que era uma pergunta que estava bem em dúvida se fazia ou não, (estava com medo de ser mal interpretada) ela já foi dizendo que sim! me fez várias perguntas, pediu para eu dizer um pouco sobre mim, sobre o apoio que minha familia está oferecendo na minha viagem, o que eu gostava de fazer nas minhas horas vagas, se eu estava com medo de não me acostumar com o País, se era frio aqui no Brasil, pois lá é muito, etc.. depois que fomos conversando, eu começei a fazer as perguntas sobre a familia deles, sobre as crianças, atividades, (e minha nossa como eles gostam de soccer!!) e o que eu lembrava que era importante. Enfim, foi uma conversa bem agradável, bem bacana.
Infelizmente o Host father não estava em casa (estava trabalhando) e nem as crianças, então combinamos de conversar amanhã no mesmo horário só que toda familia reunida. Não sei nem como vou puxar assunto, pois a host e eu conversamos de tudo hoje. Enfim, ai minha barriga de novo... rsrsrs

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Enfim online!

Depois de meses para preencher todo application, fazer o video, "coletar" referências, fazer os testes e a entrevista  na agência, enfim online!!!!
Acho que nunca me senti tão ansiosa... e nunca achei que fosse olhar tanto meu e-mail esperando por algo!
Então, começam as buscas no meu melhor amigo "Google" por "perguntas a fazer aos hosts", "Perguntas que os hosts vão fazer", " Como escolher uma boa família", etc, etc...
No meu 2º dia online recebi um email dizendo que uma família está interessada em mim. Fiquei toda empolgada, entrei no meu application e nada. Sei lá! Acho que foi alarme falso...
Ontem recebi um novo e-mail, e este sim era verdadeiro!  Família O. de Old Greenwich, Connecticut. Ainda estamos nos conhecendo, aparentemente gostei muito deles, mas eles tem 4 kids! Não sei se é pra mim..rs
Vamos conversar sábado ou domingo, e depois eu conto como foi!

bjoss! bye!